“O Beijo no Asfalto”, clássico de Nelson Rodrigues, estreia temporada no Rio

Um dos mais importantes textos do teatro brasileiro, “O Beijo no Asfalto”, de Nelson Rodrigues, estreia dia 24 de março no Teatro Cesgranrio. A produção do CEFTEM (Centro de Estudos e Formação em Teatro Musical), tem direção cênica de Menelick de Carvalho (de “Yank!”, das práticas de montagem “Os Miseráveis”, “Hoje é dia de Rock”) e direção musical de Tony Lucchesi (de “A cor Púrpura”, “Bibi – a vida em musical”, “Brilha La Luna” e compositor de “Conserto para Dois”). A trilha original é de Claudio Lins. O espetáculo faz temporada até 3 de abril com sessões na quinta e sexta às 19h30, e sábado e domingo com sessão dupla às 19h30 e às 15h.

– O elenco é composto de 23 atores divididos em 3 elencos, nessa composição os alunos aprenderam, durante os ensaios, tanto em cena, quanto ao observarem outros atores representando os mesmos personagens. Mesmo assim, fizemos questão de manter as individualidades de cada ator em cena fazendo com que cada combinação de elenco seja única – ressalta Menelick.

“O Beijo no Asfalto” já foi adaptado para o cinema em três produções de sucesso (1964, 1981 e 2017). Claudio Lins fez a primeira adaptação para o universo do teatro musical. Agora, em 2022, o CEFTEM traz uma nova versão do musical com um elenco jovem de estudantes, trazendo mais uma vez luz a este grande clássico.

SINOPSE: Um atropelamento acontece no centro da cidade do Rio de Janeiro, em 1961. Um homem jovem é atingido por uma lotação e morre no local. Mas na hora da morte, um dos transeuntes segura seu rosto e lhe dá um beijo. E a partir daí a circulação de notícias falsas transforma a vida deste homem, Arandir, num verdadeiro inferno ao mesmo tempo em que mostra como são frágeis os princípios que norteiam a tradicional família brasileira.

– Nossa montagem toma o Rio de Janeiro dos anos 60 como nossa principal referência, mas sempre em sua relação com a contemporaneidade. Montar esta obra com estudantes não apenas os aproxima de uma obra corajosa e cheia de originalidade de nosso teatro musical, mas também é um convite para se aproximarem dos clássicos de nossa literatura teatral e do aprofundamento sobre nossa história. Conhecer melhor outras épocas para expandir seus conhecimentos gerais e aprofundar a sua visão sobre a época em que estamos inseridos – finaliza Reiner Tenente, coordenador geral.

Venda pelo https://bileto.sympla.com.br/event/71870/d/129295

Instagram oficial https://www.instagram.com/obeijonoasfaltomusical/

O Beijo no Asfalto

Local: Teatro Cesgranrio / Rua Santa Alexandrina, 1011, Rio de Janeiro

Temporada: 24 de Março a 3 de Abril

Dias: Quinta, Sexta, Sábado e Domingo às 19h30, Sábado e Domingo às 15h00

Duração: 150 min

Classificação etária: 14 anos

Ingressos: entre R$ 15,00 e R$ 60,00

Ficha Técnica

Elenco: Bianca Oliveira (Selminha); Eduardo Zayit (Amado Ribeiro); Elisa Almeida (Selminha); Flávio Moraes (Aprígio); Gabriela Leonardo (viúva/ Dona Judith); João Gomez (Aruba/ Pimentel/ Morto); Leandro Fróes (Amado Ribeiro); Livia Fraga (Dona Matilde); Luciano Veneu (Cunha/ Werneck/ Comissário Barros); Lucyana Fagundes (Dália); Luiz Leandro (Cunha/ Werneck/ Comissário Barros); Luiza Lewicki (Selminha); Marcelo Alvim (Amado Ribeiro); Mathias José (Aprígio) / Murici Lima (Aprígio); Pedro Ruivo (Arandir); Sidarta Senna (Arandir); Thaís Lima (Dona Matilde); Thalita Floriano (Viúva/ Dona Judith); Thiago Murro (Aruba/ Pimentel/ Morto); Ursula Miranda (Dália); Vitor Louzada (Arandir); Yasmin Tozzi (Dália)

Direção Cênica: Menelick de Carvalho

Direção musical: Tony Lucchesi

Direção Musical Residente: Caio Loureiro

Texto: Nelson Rodrigues

Trilha original: Cláudio Lins

Coordenação Geral: Reiner Tenente

Assistência de Direção: Vitor Louzada e Sidarta Senna

Direção de Produção: Joana Mendes

Produção Executiva: Duda Salles

Assistência de Produção: Eduardo Zayit

Iluminação: Wilson Reiz

Desenho de som: André Breda, Joyce Santiago, Rodrigo Oliveira

Assistente de desenho de som: Breno Lobo e Jorge Baptista

Microfonista: Kelson Santos

Cenografia e Figurino: Jovanna Souza e Rebecca Cardoso

Canhoneiro: Renan Torres, Nina Rabello

Programação visual: Bianca Oliveira

Fotos / vídeo: Bianca Oliveira e Sidarta Senna

Assessoria de Imprensa: Ribamar Filho / Leonardo Minardi / MercadoCom 

Mídias Sociais: Flávio Moraes, Luiz Leandro e Thiago Murro