Gero Camilo em “Elixir de Cauim” no Youtube

Depois de ALUCINAÇÃO, em homenagem a Belchior, seu conterrâneo, quando o artista ainda era vivo, Gero Camilo – artista que trafega com desenvoltura por diferentes linguagens – apresenta o novo show ELIXIR DE CAUIM, a ser exibido entre 7, 8 , 9, 14, 15 e 16 de maio 20 horas no ar pelo canal do YouTube de Gero – gerocamilooficial. Com duração de 60 minutos, reúne no repertório 13 músicas de seus dois CDs (Canções de Invento, de 2008, e Megatamainho, de 2014), além de composições inéditas de seu novo álbum, o terceiro da discografia. FRUTO DA BELEZA, ainda em pré-produção, tem lançamento previsto entre final deste ano e começ ;o de 2022.

No show ELIXIR DE CAUIM, a maioria das músicas é de sua autoria. O repertório passeia do rock ao samba, passando pela canção. Com direção musical de Rovilson Pascoal (violões e guitarra), que assina os arranjos ao lado de Ricardo Prado (violão, piano, baixo e sanfona), o show foi gravado durante uma imersão musical feita pelos três no estúdio Canto da Coruja, em Piracaia, interior de São Paulo. O projeto foi realizado com apoio do Governo do Estado de São Paulo, Secretaria de Cultura e Economia Criativa Do Estado de São Paulo, Proac, Governo Federal e a Lei Aldir Blanc. Chamam a atenção no repertório três canções inéditas – Essa vida é um bem, de Gero; Camisa Vermelha, p arceria com Zé Modesto, e Iracema, com Luiz Miranda, em homenagem ao Ceará, estado natal, e ao romance homônimo de seu conterrâneo, o escritor José de Alencar.

Além das três inéditas, o set list traz 10 músicas que também podem ser ouvidas nas plataformas de streaming. Duas não são composições próprias – o forró Chuchuzeiro, de Criolo, e o samba Vem Amor, de Marat Descartes. As outras são próprias ou em parcerias, como Meu Diadorim, com Luiz Caldas; e This is Love, com Rubi. Não poderia faltar Vai Desabar, considerada seu “grande sucesso”, que acumula milhares de visualizações na internet. Em 23 anos de carreira, Gero Camilo mantém em seu acervo shows, discos e peças de teatro, incluindo a apresentação musical em homenagem ao humorista Chico Anysio – “Aos baianos e os novos caetanos” , com Luiz Miranda, e também o show em homenagem a Belchior.

Serviço

Show – Elixir de Cauim. Dias 7, 8 , 9, 14, 15 e 16 de maio às 20h, no ar no canal do YouTube do Gero – gerocamilooficial. Duração: 60 minutos. Indicação: livre.

Ficha Técnica 

Voz – Gero Camilo. Direção Musical: Rovilson Pascoal. Arranjos: Rovilson Pascoal e Ricardo Prado. Violões e guitarra – Rovilson Pascoal. Violão, piano, baixo e sanfona – Ricardo Prado. Técnico de som: Marcelo Ariente e Bruno dos Reis. Direção de fotografia e câmera: Sóstenes Matusalém. Câmera: Thiago Ming. Edição: Sóstenes Matusalém. Produção geral e executiva: Flávia Corrêa. Iluminação: Fabrício Fonseca. Arte e designer: Sato. Gravado, mixado e masterizado no Estúdio Canto da Coruja (Piracaia) por Ricardo Prado e M arcelo Ariente. Assessoria de Imprensa – M. Fernanda Teixeira (Arteplural)

Repertório

  1. Elixir de Cauim (Megatamainho)  –  de Gero Camilo. 
  2. Carta de Puebla (Canções de Invento) –  de Gero Camilo.
  3. Jobinamente (Canções de Invento) –  de Gero Camilo e Cristiano Karnas.
  4. Chuchuzeiro (Megatamainho) –  de Criolo.
  5. Vem amor (Canções de Invento) –  de Marat Descartes. 
  6. Camisa Vermelha  –  de Gero Camilo e Zé Modesto (Inédita).
  7. Megatamainho (Megatamainho) –  de Gero Camilo.
  8. Meu Diadorim (Megatamainho) –  de Gero Camilo e Luiz Caldas.
  9. This Is Love (Megatamainho) –  de Gero Camilo e Rubi.
  10. Iracema –  de Gero Camilo e Luis Miranda (Inédita. 
  11. Eboé – (Megatamainho) –  de Gero Camilo.
  12. Essa vida é um bem (Inédita) –  de Gero Camilo e arranjo de Everson Pessoa 
  13. Vai Desabar (Canções de Invento) –  de Gero Camilo.