“O Filho do Presidente” produzido especialmente para streaming

Enquanto o setor da cultura tenta responder à crise do novo coronavírus, estreia na próxima terça, dia 07, o solo em streaming O FILHO DO PRESIDENTE. Com o isolamento decretado, a diretora Natasha Corbelino e o ator e dramaturgo Ricardo Cabral transformaram o processo de criação. Agora, o espetáculo vai estrear nas redes, por videoconferência.

“A pesquisa é descobrir o que pode um corpo na tela”, explica a diretora. “A câmera do celular é um dispositivo de cena, não é o mesmo que teatro filmado.”

O solo conta a história de um homem em fuga. Depois de pegar o metrô no sentido errado, ele mata dois policiais, rouba um livro e agora precisa fugir. É o quarto espetáculo do TEATRO CAMINHO, grupo carioca que trabalha há sete anos com teatro e espaços não convencionais. “O virtual radicalizou nossa pesquisa espacial”, avalia Cabral. “É teatro, cinema, história, performance, live, tudo ao mesmo tempo.”

Antes da quarentena, “O filho do presidente” estrearia num circuito de casas e apartamentos no Rio e em São Paulo. A data da estreia foi mantida, mas agora serão seis dias de apresentação no Zoom, aplicativo de videochamadas que tem ganhado cada vez mais adeptos desde o início do isolamento. A ferramenta é gratuita e permite a realização de reuniões, cursos e aulas de ginástica para quem está em casa.

O figurino é de Tiago Ribeiro, indicado ao prêmio Shell e Cesgranrio deste ano pelos espetáculos “As comadres” e “Interior”.

Serviço – O FILHO DO PRESIDENTE
de 07 a 12 de abril
Terça a domingo, às 21h
Link da transmissão disponível no site teatrocaminho.com e no instagram @teatrocaminho
Tel: (21) 99106-2335
Colaboração consciente
Duração: 45 minutos
Classificação indicativa: 18 anos

FICHA TÉCNICA

Texto e performance: Ricardo Cabral
Direção: Natasha Corbelino
Figurino: Tiago Ribeiro
Realização: Teatro Caminho e Corbelino Cultural