Projeto ‘Música nos Hospitais’ abre 14ª temporada com concerto gratuito de uma orquestra de câmara em 18 de março, às 12h

Ao completar 90 anos, a Associação Paulista de Medicina – APM anuncia a 14ª temporada do programa “Música nos Hospitais”, uma iniciativa da instituição com projeto aprovado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura e, pelo segundo ano, com a parceria do Aché Laboratórios Farmacêuticos. O programa consiste em apresentar uma orquestra de câmara na área principal nas unidades hospitalares e, depois, em grupos pequenos nos corredores dos hospitais da rede pública do município de São Paulo, para aquecer os corações e emocionar, gratuitamente. Em 2020, o programa levará os músicos da Orquestra do Limiar (regida pelo maestro e médico Samir Rahme) a dez instituições da cidade de São Paulo.

Com início das apresentações em março e finalização em julho, neste ano o projeto se descentraliza para, de maneira mais inclusiva e abrangente, contemplar unidades hospitalares mais periféricas da capital, como as localizadas nos bairros do Grajaú, de Sapopemba e de Pedreira, por exemplo. Mas, seja qual for o palco para os concertos, o objetivo desta iniciativa, conforme afirma o diretor cultural da APM, dr. Guido Arturo Palomba, “é amenizar a rotina hospitalar e, ao mesmo tempo, proporcionar contato com a arte e a cultura por meio da realização de concertos de música erudita e instrumental em hospitais públicos ou filantrópicos”, diz ele, lembrando que o programa ocorre desde 2004.

Neste ano, a programação, que é gratuita e percorrerá diversas unidades de pronto-atendimento levando os benefícios da música aos pacientes, funcionários e frequentadores, irá homenagear alguns compositores com inclusão de suas obras mais conhecidas no repertório dos concertos previstos. Conforme adianta o maestro Samir, o tributo aos 250 anos de nascimento de Beethoven e aos 60 da morte de Villa-Lobos estarão representados pela “Quinta Sinfonia” e “Modinha”, das Bachianas Brasileiras No 1, respectivamente.

O primeiro concerto desta temporada será em 18 de março (quarta-feira), às 12h, no Hospital das Clínicas e ocorrerá na Praça Adib Jatene, na frente do Prédio da Administração, que é um ponto de convergência entre os outros edifícios da instituição, por onde circulam, diariamente, médicos, enfermeiros, funcionários, pacientes e seus familiares. Com cerca de 50 minutos de duração, a apresentação brindará o público com um repertório especialmente preparado pelo médico e maestro Samir Rahme, que incluirá, além das homenagens a Beethoven e Villa-Lobos, obras consagradas de Bach, Mozart, Beatles e um tributo especial a Tom Jobim.

Desde que foi concebido, o Música nos Hospitais foi realizado 189 vezes, contemplando 68 unidades hospitalares e reunindo cerca de 60 mil pessoas por todo o Brasil – entre médicos, enfermeiros, funcionários, pacientes e familiares. Ao longo desses anos, a APM, junto aos parceiros, buscou impactar positivamente o dia a dia das pessoas nos ambientes hospitalares, ampliando o gosto pela música erudita e instrumental.

Estudos publicados pela Associação Americana de Musicoterapia (American Music Therapy Association – AMTA) e pela Federação Mundial de Musicoterapia (World Federation of Music Teraphy – WFMT) indicam os efeitos positivos da música no funcionamento do organismo. Conforme afirma o maestro Samir, “a música é um medicamento e, dependendo da forma como você a conduz, pode trazer alívio para as pessoas. O semblante dos pacientes muda depois dos concertos”, diz, complementando que o concerto contribui para que aquele dia ou aquela semana seja melhor para os pacientes.

Esses benefícios, aliás, também são comprovados por diversas associações médicas. A música tem o poder de ajudar a diminuir a ansiedade e o desconforto durante procedimentos médicos, reduzir efeitos colaterais de tratamentos mais agressivos, como quimioterapia e radioterapia, e auxiliar a reabilitação física. Nesse sentido, pesquisa feita pela Associação Paulista de Medicina com o público do projeto nas últimas edições identificou que 78% dos pacientes que assistiram às apresentações conseguiram driblar o peso emocional dos dias de internação e tratamento. Cerca de metade deles viu nas apresentações uma forma de esquecer, momentaneamente, de seus problemas de saúde.

 

 

Programação Temporada 2020

Concerto de Abertura

Data: 18 de março (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Prédio da Administração do Hospital das Clínicas da FMUSP, na Praça Adib Jatene – próximo ao Metrô Clínicas (descer a rampa de acesso ao Instituto de Ortopedia da Av. Dr. Enéas de Carvalho Aguiar)

Endereço: Rua Dr. Ovídio Pires de Campos, 225 – Cerqueira César

Data: 25 de agosto (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Hospital Geral do Grajaú , no hall do 1º  andar

Endereço: Rua Francisco Octávio Pacca, 180 – Parque das Nações

 

Data: 8 de abril (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Instituto de Assistência Médica ao Hospital do Servidor Público Estadual (IAMSPE), no hall do Pronto Socorro Infantil

Endereço: Rua Pedro de Toledo, 1800 – Vila Clementino

 

Data: 15 de abril (quarta-feira)

Hora: 12h30

Onde: Hospital do Ipiranga, no saguão principal (1º andar)

Endereço: Avenida Nazaré, 28 – Ipiranga

Data: 29 de abril (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Hospital Estadual de Sapopemba, na recepção central

Endereço: Rua Manuel França dos Santos, 144 – Vila Sapopemba

 

Data: 6 de maio (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Instituto do Câncer do Estado de São Paulo Octávio Frias de Oliveira (ICESP), no hall de entrada (térreo)

Endereço: Avenida Dr. Arnaldo, 251 – Cerqueira César

Data: 20 de maio (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Hospital Infantil Cândido Fontoura, no hall de entrada do saguão

Endereço: Rua Siqueira Bueno, 1757 – Belenzinho

Data: 10 de junho (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Hospital Heliópolis, no saguão principal

Endereço: Rua Cônego Xavier, 276 – Sacomã

Data: 24 de junho (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Hospital São Paulo, no térreo da Ala C

Endereço: Rua Napoleão de Barros, 737 – Vila Clementino

 

Data: 1º de julho (quarta-feira)

Hora: 12h

Onde: Hospital Geral de Pedreira, no Pronto Socorro Adulto

Endereço: Rua João Francisco de Moura, 251 – Vila Campo Grande

Ensaios abertos

Onde: na Associação Paulista de Medicina

Endereço: Av. Brigadeiro Luís Antonio, 278 – Bela Vista

Quando: terças-feiras, das 19h às 22h, em 3, 10,17, 24 e 31 de março; 7, 14 e 28 de abril; 5, 12, 19 e 26 de maio; e 2, 9, 16, 23 e 30 de junho*

Reservas para grupos escolares: (11) 3188-4301 / 4304.

E-mail: musicanoshospitais@apm.org.br

Site: www.apm.org.br

*Programação sujeita a alterações

 

Formação da Orquestra do Limiar

 

Regência: Samir Rahme

Spalla: Marcos Scheffel

Violinos I: Gabriel Gorun, Marcela Sarudiansky, Nikolay Iliev Iliev e Ricardo Sanzini

Violinos II: Jair Guarnieri, Kleberson Buzo, Tiago Paganini e Wassi Carneiro

Violas: Daniele Benedecte e Everton de Souza

Violoncelos: Fábio Petrucelli e Mayara Alencar

Contrabaixo: Thiago Hessel

Sobre a Orquestra do Limiar

Fundada em 2002 pelo maestro e médico Samir Rahme formado em Composição e Regência na UNESP, que fez sua estreia em um simpósio médico realizado na Sociedade Antroposófica, em São Paulo. Desde a sua criação, e sob o lema “Música para a Alma”, vem apresentando concertos de música instrumental e erudita em congressos, eventos e hospitais, permitindo a milhares de pessoas a oportunidade de entrar em contato com obras clássicas, elevando, dessa forma, seu estado de espírito com o poder curativo da música.

Sobre a Associação Paulista de Medicina

Completando 90 anos de fundação (29 de novembro de 1930) a Associação Paulista de Medicina é uma entidade representativa dos médicos do Estado de São Paulo, sem fins lucrativos e de utilidade pública. Com cerca de 30 mil associados, tem por objetivo identificar e enfrentar os grandes desafios da medicina na atualidade. Além do Música nos Hospitais, a APM apoia diversos programas culturais abertos ao público e gratuitos, como exposições de arte, palestras sobre história da arte, programas musicais que vão do erudito ao jazz, cinema com debates, realiza exposições itinerantes e mantém escola de artes, biblioteca, pinacoteca e o Museu de História da Medicina.

Sobre o Aché Laboratórios

O Aché é uma empresa 100% brasileira com 53 anos de atuação no mercado farmacêutico e tem como propósito levar mais vida às pessoas onde quer que elas estejam. A companhia conta com mais de 5 mil colaboradores orientados pelos valores: integridade, respeito, ousadia, inovação, excelência e sustentabilidade. Por meio das leis de incentivo, o Aché apoia iniciativas voltadas à saúde que estão totalmente alinhadas ao seu objetivo de melhorar a vida das pessoas, levando mais qualidade de vida e bem-estar à população. Aché. Mais vida para você.