Baile do YAMÍ chega ao Rio com convidados surpresa

O duo YAMÍ sobe ao palco do Othello Centro Cultural trazendo ao Rio o seu incensado baile que já passou por capitais como Belo Horizonte e Salvador. O violoncelista italiano Federico Puppi e o percussionista baiano Marco Lobo recebem convidados especiais surpresa em um encontro que ultrapassa barreiras geográficas e se materializa nos sons modernos e ancestrais mesclados a batidas eletrônicas. O espetáculo vem após o lançamento do primeiro disco do projeto, já disponível nas plataformas de streaming. A noite contará ainda com o DJ Cavalcanti. O evento tem início às 21h, com ingressos a R$ 20.

 

União entre a percussão brasileira, tons eruditos com o cello e a música eletrônica, YAMÍ conta com shows em festivais pelo país e parcerias nos palcos com grandes artistas, como Tulipa Ruiz, Criolo, Castello Branco, Rita Benneditto e Mariana Aydar. O projeto marca sua estreia com um álbum, onde mergulha fundo nos ritmos afro-brasileiros imersos em beats eletrônicos.

 

Ouça “YAMÍ”: http://smarturl.it/YAMÍAlbum

 

O nome do duo vem do tupi-guarani e significa “noite”, remetendo às sensações e experiências musicais noturnas que o projeto busca em sua mistura inusitada de elementos. YAMÍ tem suas fundações nos atabaques, representando a ancestralidade e o pulsar, e no violoncelo, remetendo à melodia e ao lirismo.

 

Italiano radicado no Brasil, Puppi é violoncelista e lançou em 2018 o disco “Marinheiro de Terra Firme”, seu segundo trabalho autoral – sucessor da estreia, “Canto da Madeira” – e que já flertava com a música eletrônica. Como produtor, trabalhou ao lado de Maria Gadú no disco “Guelã”, indicado ao Grammy Latino, entre outros nomes da cena brasileira.

 

Já Marco Lobo é um dos grandes nomes da percussão, com três álbuns solo e tendo trabalhado com artista importantes, tais como Milton Nascimento, Maria Bethânia, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Virginia Rodrigues, Lenine, João Bosco, Ivan Lins e Marisa Monte. Além disso, ele tem desenvolvido projetos com músicos de todo o mundo, como o baterista Billy Cobham e o trio Elf, e ainda participa do grupo World Percussion Ensemble. A percussão de Lobo inclui, além dos atabaques, instrumentos do folclore brasileiro como berimbau, gungas e tambor de onça, além de pads eletrônicos  e outros instrumentos experimentais como hang drum, tubos e sucatas.

 

YAMÍ é um encontro de culturas e tempos diferentes, onde ancestralidade e futuro dançam juntos. É essa união que guia o projeto, que ganhou forma quando o lançamento dos singles “Siroco”, “Bah’li” (com Njamy Sitson), “YAMÍ (com Rita Benneditto) e “Baião da Onça”, esta última também ganhando o primeiro clipe do duo. Mais recentemente, “YAMÍ” também ganhou um vídeo.

 

Veja o clipe “Yamí”: https://youtu.be/w0gf3rYv_N0

Veja o clipe “Baião da Onça”: https://youtu.be/O9Swune50pY

 

O Baile do Yamí acontece no Othello Centro Cultural, localizado à Rua Moraes e Vale, 15, na Lapa. A noite já tem ingressos à venda, na plataforma Sympla: https://www.sympla.com.br/baile-do-yami__729343

 

Serviço

Baile do YAMÍ

Data: 06/12/2019 (sexta-feira)

Horário: abertura da casa às 21h; show às 23h30

Local: Othello Centro Cultural

Endereço: Rua Moraes e Vale, 15 – Lapa – Rio de Janeiro/RJ

Ingressos: R$ 20

Classificação: 18 anos

Evento: https://www.facebook.com/events/622509138547866/

 

Compra online: https://www.sympla.com.br/baile-do-yami__729343

 

Siga YAMÍ:

https://www.facebook.com/duoYAMÍmusic/

https://www.instagram.com/YAMÍmusicoficial/