Jards Macalé no Manouche

Encontro mensal do jornalista Leonardo Lichote que recebe, a cada noite, um artista que fala sobre seus processos de criação em meio a um pocket show.

Cria é o nome do encontro mensal que estreou mês passado no Manouche com Adriana Calcanhoto como primeira convidada.

Cria é o fruto da criação. É a terceira pessoa do verbo criar (no presente) e do verbo crer (no passado) – a crença que moveu a criação. No palco, um compositor conversa com o jornalista Leonardo Lichote (idealizador do projeto, ao lado da produtora Alessandra Debs) sobre o ato de criar. Na enormidade do tema, cabe a reflexão filosófica sobre o ofício de fazer nascer vida do nada; a origem de algumas canções; as inspirações e referências que despertaram a criação; a relação entre letra e música; os métodos de composição; as ideias, as visões de mundo, que provocam o desejo de gerar a pequena revolução que é cada canção. A conversa é costurada, como não podia deixar de ser, pelas crias do artista – suas canções.

O convidado desta segunda edição será o inquieto, irreverente e com a obra cada vez mais atual Jards Macalé, que ao violão, mostrará algumas das suas composições para ilustrar suas falas, para provocá-las, para dar novo sentido a elas. Em alguns casos, vai trazer músicas de outros que marcaram, como influência, sua própria criação.

Serviço

Show: – Cria – Leonardo Lichote conversa com Jards Macalé

Local: Manouche/Casa Camolese (Rua Jardim Botânico, 983, Jardim Botânico, Tel: 3514-8200)

Data: 27 de novembro, terça-feira, a partir das 21h

Ingressos: R$ 60,00 (inteira), R$ 40,00 (com 1 kg de alimento não perecível) e R$ 30,00 (meia) www.eventim.com.br