CCBB no topo do mundo

O Centro Cultural Banco do Brasil liderou, em 2015, a lista de exposições pós-impressionistas e modernas mais visitadas do mundo, de acordo com ranking publicado no site “The Art Newspaper”. É o terceiro ano consecutivo em que o CCBB aparece no topo da lista. O Top 10 dessa lista traz cinco exposições realizadas no Brasil e, dessas, quatro ocorreram nos CCBBs, o  que comprova a importância dos projetos culturais desenvolvidos pelo Banco do Brasil para o País.

A mostra pós-impressionista e moderna mais visitada em 2015 foi “Picasso e a modernidade espanhola”, realizada no CCBB Rio de Janeiro, que teve mais de 620 mil visitantes, com média diária de 9.500 pessoas. O Centro carioca também ocupa a segunda posição no ranking, com “Kandinsky: Tudo começa num ponto”: foram cerca de 442 mil visitantes, com média de 8,2 mil pessoas por dia.

Os CCBBs Brasília e São Paulo também aparecem na relação, com a sexta e décima exposição, respectivamente. Brasília recebeu a exposição “Kandinsky: Tudo começa num ponto”, que teve aproximadamente 241 mil visitantes (média diária de 4.697 pessoas) e São Paulo entrou no ranking com a mostra “Picasso e a modernidade espanhola”, com cerca de 235 mil visitantes (média de 3.592 pessoas por dia).

Além de liderar a lista das exposições pós-impressionistas e modernas, o CCBB também entrou no Top 10 das exposições contemporâneas. A mostra “Projeto Oir – My city, de Song Dong” alcançou o sétimo lugar no ranking, com cerca de 101 mil visitantes, média de 4.856 pessoas por dia, em menos de um mês, tendo ficado em exposição entre 12 de setembro e 05 de outubro.

“A posição de destaque alcançada pelos nossos Centros Culturais é motivo de orgulho para nós, e com certeza não deve-se apenas a um projeto, isoladamente. Este resultado decorre da credibilidade que o CCBB conquistou nesses 26 anos de existência, com uma programação de qualidade e consistente para a sociedade em geral”, ressalta o diretor de Estratégia da Marca, Luis Aniceto Cavicchioli.

Desde 2012, o CCBB aparece no ranking da revista The Art Newspaper, ao abrigar exposições que figuram entre as dez mais visitadas no mundo.

Confira os rankings das exposições mais visitadas do mundo:

Pós-impressionistas e modernas

Anúncios