Quarteto de Cordas da OSTM no TMRJ

O Theatro Municipal do Rio de Janeiro o Quarteto de Cordas da OSTM como terceira atração da série Cameristas, na próxima quarta-feira, 19 de agosto, ao meio-dia, no Teatro B, no Prédio Anexo, com ingressos a R$ 10,00. Formado pelos solistas da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, Carlos Mendes (1º violino), Maressa Carneiro (2º violino), Dhyan Toffolo (viola) e Marcelo Salles (violoncelo), o conjunto que se dedica a pesquisar e a divulgar o fértil repertório original para esta formação, irá executar o Quarteto de Cordas nº 16, de Heitor Villa-Lobos, e o Quarteto de Cordas nº 2, de Alexander Borodin. Esta série oferece apresentações na terceira semana de cada mês, sempre às quartas-feiras, sendo constituída de concertos de câmara com grupos de instrumentistas ou exibições solo.

Sobre os integrantes do Quarteto de Cordas da OSTM

Carlos Mendes, primeiro violino

Iniciou seus estudos de música aos oito anos de idade no Instituto Meninos Cantores de Petrópolis (Canarinhos). Aos 15 anos passou aos cuidados do mestre Paulo Bosísio, no violino, tornando-se bacharel em sua classe na Universidade do Rio de Janeiro (Uni-Rio). Dentre vários cursos de extensão em performance e didática do violino, destaca-se o convite como bolsista feito pela Académie Européenne de Musique de Tournon (França), por dois anos consecutivos, para participar da Orchestre Philharmonique Rhodanien, nos anos de 1996 – quando atuou como spalla da orquestra – e 1997. Atualmente é integrante da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro onde, desde 2005, ocupa o cargo de spalla, integrando ainda a Orquestra Petrobras Sinfônica. Na área da música de câmara é membro do Quarteto Bosísio.

Maressa Carneiro, segundo violino

Iniciou seus estudos em Volta Redonda, no Projeto Cidade da Música, onde foi professora e atuou como solista junto à Orquestra de Cordas. Graduou-se no Conservatório Brasileiro de Música do Rio de Janeiro, obtendo bolsa integral de estudo alcançada pela primeira colocação. Já participou de masterclasses, como executante, com os professores Haratune Bedelian, Domenico Nordio, Ole Bohn e Paulo Bosísio, entre outros. Estudou violino com Ricardo Amado, Paulo Bosísio e atualmente está sob a orientação de Felipe Prazeres. Hoje atua como violinista na Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro e como convidada na Orquestra Petrobras Sinfônica.

Dhyan Toffolo, viola

Paulistano de 1982, iniciou seus estudos de música com apenas 4 anos de idade, concluindo o curso de violino no Conservatório de Tatuí em 1997. Graduou-se pela UniRio na classe do professor Paulo Bosisio em 2007. Tem-se aperfeiçoado em cursos no exterior, como o Laboratori Musicali Estivi em Cortanze, na Itália, e o Exchange Visitors Program na University of Georgia, nos Estados Unidos. Ganhou prêmios e integrou a comissão julgadora do Concurso Internacional Paulo Bosísio. Foi spalla da Orquestra Sinfônica de Sorocaba, violinista da Orquestra Sinfônica Brasileira e participou da Orquestra Jovem das Américas. Ministrou masterclasses no Festival de Inverno de São João Del Rey e na Universidade Mayor de Santiago (Chile). Atualmente é integrante da Orquestra Petrobras Sinfônica, Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal do Rio de Janeiro, do Quarteto Uirapuru, do Quarteto Bosísio, além da Camerata Diminuta.

 

Marcelo Salles, violoncelo

Marcelo Salles iniciou-se no violoncelo com Emílio De César, estudando depois com Ataíde de Matos, Atelisa de Salles e Antonio Guerra Vicente. Na UniRio, bacharelou-se em violoncelo na classe do professor Alceu Reis. Fez cursos paralelos com Antônio Meneses e Márcio Carneiro. Tocou como solista à frente de várias orquestras brasileiras e excursionou pela Europa e Estados Unidos com diversos grupos de câmara. Em sua discografia, destaca-se o CD Mosaico do Duo Salles. Atualmente é o violoncelista do Quarteto Bosísio e integra o naipe de violoncelos da Orquestra Petrobras Sinfônica e da Orquestra Sinfônica do Theatro Municipal, como 1° solista, recebendo crítica de Marcus Góes publicada no portal movimento.com em 21/4/2008: “Como ponto altíssimo, o solo de violoncelo de Marcelo Salles no segundo ato, na entrada de Albrecht, foi emocionante pelo tom elegíaco apropriado obtido, pela afinação, pela sonoridade limpa e cheia. É raro violas e violoncelos atingirem, em nossas estantes, tal excelência.”

 

SERVIÇO


CAMERISTASQUARTETO DE CORDAS DA OSTM

 

SOLISTAS DA ORQUESTRA SINFÔNICA DO

THEATRO MUNICIPAL DO RIO DE JANEIRO

Músicos:

Carlos Mendes, 1º violino

Maressa Carneiro, 2º violino

Dhyan Toffolo, viola

Marcelo Salles, violoncelo

Programa:

Heitor Villa-Lobos – Quarteto de Cordas nº 16

Alexander Borodin – Quarteto de Cordas nº 2

 

Theatro Municipal do Rio de Janeiro
Teatro B – Prédio Anexo

Avenida Almirante Barroso, nº 14/16 – Centro

 

Dia 19 de agosto, às 12h*

 

Preço único: R$ 10,00

Classificação etária: 5 anos

Duração: 60 minutos

Capacidade: 159 lugares

Informações: (21) 2332-9191

 

Vendas na Bilheteria, no site da Ingresso.com ou por telefone 21 4003-2330

(*) Vale lembrar que, mesmo na sessão matinal, não é permitida a entrada de pessoas trajando bermuda, short, top, camiseta sem manga e chinelos, exceto para crianças até 10 anos.