Exposição “Latifúndios”, no MAC

O Museu de Arte Contemporânea de Niterói abre, no dia 13 de setembro (sábado), às 17h, a exposição “Latifúndios”, do artista plástico Raimundo Rodriguez. A mostra, que tem a curadoria de Luiz Guilherme Vergara, apresenta uma grande série, que vem sendo desenvolvida pelo artista desde o ano 2000. São obras recortadas de lata e tinta, que compõem poemas para serem decifrados e recontados.

A produção da mostra fica a cargo da artista plástica, arte educadora, produtora e gestora de projetos de arte e cultura, Marcia Zoé Ramos. De acordo com ela, “Raimundo Rodriguez tem ultrapassado o espaço expositivo estático de uma galeria de arte e vem incorporando suas obras às diversas produções onde encontra campo para aprofundamento de suas pesquisas”.

Em diversos veículos, tais como Teatro, Carnaval, Centros Culturais, Vídeos e TV, as criações de Rodriguez ultrapassam limites e preenchem lacunas de expressão. O artista, acompanhado por sua equipe, foi o responsável pela estética final das construções da novela “Meu Pedacinho de Chão”, dirigida por Luiz Fernando Carvalho. A partir de “Latifúndios”, Raimundo Rodriguez fez pedacinhos de chão remendados onde se desenvolveu todo o enredo na novela. A obra foi incorporada à arquitetura de toda a fictícia “Vila de Santa Fé”, onde casas, portas, paredes, janelas, altares, molduras e inúmeros detalhes foram criados a partir de latas de tinta descartadas e, em suas mãos, ganharam um novo significado.

O visitante vai poder perceber e explorar o traço do artista, que deu vida à fantasia, e transformar sonhos reais e imaginários, fazendo-os fundirem-se e confundirem-se em novos latifúndios.

A total liberdade de criação de Raimundo Rodriguez resultou em um trabalho vigoroso, sem interferências, que ajudou a aproximar o público de um veículo de comunicação de massa – popular – à linguagem da arte contemporânea. Em poucos momentos da teledramaturgia, se teve a oportunidade de experimentar essa nova ordem estética, onde a TV pode se valer da arte para contar uma história.

A exposição vai proporcionar um diálogo profundo em um belo espaço arquitetônico, que é o MAC de Niterói. Ética e estética podem ser observadas tanto no Museu, quanto em “Latifúndios”. A mostra ajuda a reconstruir um novo sentido das coisas a partir dos resíduos do mundo, uma nova fábula. Um latifúndio no MAC vai fazer o público pensar para além das varandas do museu.
Além da exposição, na Varanda do museu, Raimundo Rodriguez vai fazer uma intervenção a céu aberto na escadaria de acesso à Plataforma Urbana Digital do MACquinho, (prédio em frente ao MAC – obra também de Oscar Niemeyer), através de atividades educacionais e artísticas, voltadas ao público em geral, especialmente à Comunidade do Morro do Palácio.

Serviço:
Exposição “Latifúndios”, do artista Raimundo Rodriguez
Curadoria de Luiz Guilherme Vergara
Museu de Arte Contemporânea de Niterói – Varanda
Abertura: 13 de setembro de 2014
Em cartaz até 5 de outubro de 2014
Visitação: de terça a domingo, das 10h às 18h. A bilheteria fecha 15 minutos antes do término do horário de visitação.
Ingresso: R$ 10,00
Estudantes, professores e pessoas acima de 60 anos pagam meia.
Entrada gratuita para estudantes da rede pública (ensino médio), crianças de até 7 anos, portadores de necessidades especiais, moradores ou nascidos em Niterói (com apresentação do comprovante de residência) e visitantes com bicicleta.
Entrada gratuita também às quartas-feiras.
Endereço: Mirante da Boa Viagem, s/n – Niterói RJ
Informações: 21 2620 2400 / 2620 2481

Anúncios