Blefes Excêntricos, no Teatro Dulcina

Depois do lançamento, a ocupação Dulcinavista entra em sua segunda semana e amplia sua programação com mais espetáculos, leituras e oficinas. Desenvolvido pelo Galpão Gamboa, o projeto conta com quatro meses de programação, que inclui espetáculos para o público adulto e infantil. A direção artística é de Marco Nanini e Fernando Libonati e curadoria de César Augusto.

A programação infantil começa no fim de semana de 09 e 10/08, com “Blefes excêntricos”, espetáculo do Circo Dux que misturam técnicas circenses com números de mágica, faquismo e malabares e teatro de rua.

Em cena, o grupo apresenta os números:

GUIZOS AFINADOS – No livro “Circo Nerino” de Roger Avanzi e Verônica Tamaoki há referência à João Bozan, um argentino que foi considerado “um dos mais importantes clowns circenses que se fixaram no Brasil. Sua arte consistia em transformar objetos comuns em instrumentos musicais. Num certo momento da apresentação, amarrava tiras de couro nos braços, pernas e cabeça, nas quais estavam presas várias fileiras de guizos, sendo que os da cabeça eram menores, portanto mais agudos, e os das pernas, maiores. A banda tocava, e ele solava chacoalhando, cada vez, pernas, cabeça e braços.” João Bozan era um dos palhaços que executavam os Guizos Afinados. Esse é o “instrumento” que o Circo Dux vem reconstruindo desde 2009, e que faz parte do repertório do espetáculo.

PIANO DE PANELAS – São em torno de 40 panelas de diferentes tamanhos, formas e materiais, que formam um piano de 40 notas musicais. O instrumento é tocado pela dupla de artistas, que executam nele desde peças clássicas até os funks contemporâneos.

CABINE DOS ESPÍRITOS – Essa técnica de ilusionismo foi criada no séc. XIX e era usada em demonstrações de supostos “médiuns”. Logo foi assimilada pelos grandes mágicos dessa época e hoje em dia é ainda executada. No número uma pessoa (o “médium”) é amarrada completamente e senta em uma cadeira dentro de um biombo que é fechado. Logo após ser fechado, barulhos acontecem dentro do biombo. Quando abrimos, o médium continua amarrado. O biombo é fechado de novo. A partir daí inúmeras coisas surpreendentes acontecem.

CUPS AND BALLS – Este é considerado um dos números de magia mais antigos. Já está registrado em imagens do séc. XV. Era muito executado nas feiras medievais como um jogo de apostas no qual deve se adivinhar em qual dos copos está a bola. Na sua evolução foram criadas várias rotinas surpreendentes de desaparecimento e aparecimento de bolas e outros objetos.
Ficha técnica
Elenco: Lucas Moreira e Fabricio Dorneles
Direção: Julio Adrião
Roteiro: Julio Adrião e Circo Dux
Direção musical e trilha sonora: Tato Taborda
Figurino: Gabriella Marra
Cenário e adereços: Marcos Feio
Realização: Circo Dux

9 e 10/08 (sábado e domingo) – “Blefes Excêntricos” – 16h
Gênero: Infantil
Duração: 50 min
Classificação: Livre
Ingressos: R$ 10 (inteira)/R$ 5 (meia)

Serviço
Local: Teatro Dulcina
Capacidade: 300 lugares
Endereço: Rua Alcindo Guanabara, 17 – Centro
Telefone: (21) 2240-4879
Bilheteria: de quarta a domingo, das 14h às 19h
Site: http://www.dulcinavista.com.br